“Estrada Nacional 2 eleita, pela Frommer’s, como um dos 19 locais a visitar em todo o mundo

A Estrada Nacional 2, estende-se ao longo de 739,26 quilómetros entre Chaves e Faro, foi eleita um dos 19 locais a visitar em todo o mundo em 2019 pela conceituada editora norte-americana Frommer’s, sendo o único destino português na lista.

Esta eleição foi feita por um conjunto de editores e escritores da Frommer’s a nível mundial, elegendo alguns dos destinos a visitar em todo o planeta, quer por serem novas atracções, por terem atingido marcos importantes ou por serem segredos por descobrir.

A última vez que Portugal entrou nesta lista foi em 2017, com a eleição de Fátima como destino a não perder.

A Estrada atravessa 35 concelhos e é a única estrada na Europa com esta tipologia, ligando as vinhas do Douro às praias algarvias, com passagem pelas planícies alentejanas. No mundo só há outras duas: a Route 66, nos EUA, e a Ruta 40, na Argentina.

Ao longo do seu percurso, a EN2 atravessa vários patrimónios, como a Olaria Negra de Bisalhães, o Alto Douro Vinhateiro, a Manufatura do Chocalho, o Cante Alentejano ou a Reserva da Biosfera de Castro Verde.

Também atravessa regiões vitivinícolas de referência e alguns dos principais patrimónios gastronómicos portugueses.

A Associação de Municípios da Rota da Estrada Nacional 2 tem em curso um projecto de valorização turística no valor de 400 mil euros, aprovado pelo programa Valorizar, e lançou este ano o Grande Prémio de Portugal – Nacional 2, que tem ajudado a posicionar este percurso em termos internacionais.

A Secretária de Estado do Turismo, afirma que a “Estrada Nacional 2 está a afirmar-se como uma das melhores estradas do mundo, que mostra a autenticidade e a riqueza de Portugal de Norte a Sul. Temos cada vez mais pessoas a fazer o percurso, a abrir o mapa turístico de Portugal e a descobrir mil e uma experiências em 700 km de paisagens deslumbrantes, aldeias únicas, praias fluviais irresistíveis, património inesquecível e gastronomia completamente diferente ao longo do caminho”.

Ana Mendes Godinho concluiu que “percorrer a Estrada Nacional 2 é descobrir a coluna vertebral de Portugal”.